NARCISSUS MINI AMARELO C13

NARCISSUS MINI AMARELO C13

Outras Especificações:

Nome Popular: Narciso.

 

Muito utilizada como for de corte, os narcisos formam um grupo muito grande de belas espécies. É uma planta vigorosa, rústica, de folhas lineares. Pode ser cultivada também em floreiras ou jardins formando composições naturais. As variedades adaptadas ao clima subtropical, normalmente são muito perfumadas.

 

Porte: Cerca de 0,50 cm a 1,0 m, dependendo da variedade.

Ciclo de vida: Perene.

Flores: Possui flores de inúmeros formatos e combinações de cores. Floresce normalmente no período do inverno e da primavera. Cerca de 30 dias depois do final de sua floração, inicia-se o processo de dormência que vai durar até o começo do próximo ano. No Brasil a floração branca e amarela prevalece.

 

Necessidades básicas:

Iluminação: A luminosidade ideal é a indireta bem abundante, no entanto, pode aceitar locais menos iluminados, dependendo da adaptação da variedade. Prefira luminosidade indireta ou meia sombra.

Rega: Não deixe nunca o solo excessivamente encharcado, pois há o risco de apodrecimento do bulbo. Recomenda-se regar com moderação no plantio e manter o solo levemente úmido, sem saturá-lo durante seu crescimento.

Substrato: Adubação: Não é muito exigente com relação ao solo. Aceita bem qualquer tipo de solo, menos aqueles muito úmidos.

 

Cuidados:

Poda: Conserve a planta limpa e saudável, retirando folhas e flores murchas ou amareladas.

Método de propagação ou replante: O cultivo de narcisos não requer cuidados muito especiais. O bulbo pode ser plantado em qualquer época do ano, em local definitivo ou, de preferência, quando ele começa a emitir brotação espontânea. Isso ocorre normalmente com a aproximação do frio do inverno. Os bulbos devem ser plantados com pouca profundidade e cobertos normalmente, com até 3 cm de terra. É recomendável, também, manter um espaçamento de 10 cm entre os bulbos, já que algumas variedades tendem a formar pequenas touceiras.

 

Dados extras: Você pode retirar os bulbos da terra durante a época de dormência da planta. Não manipule os bulbos durante o crescimento e floração. Retire os bulbos do solo e armazene em local fresco e seco enquanto se aguarda que ele próprio inicie o processo de brotação. É possível, também, deixar o bulbo dormente no solo, pois ele não morrerá, exceto se eventualmente ocorrer ataque de lagartas, que podem destruir completamente o bulbo.